24 de março de 2019
Modelos de planilhas e conteúdos sobre gestão empresarial

Abrir um negócio não é como uma receita de bolo, com ingredientes, medidas e tempo exatos. Mas o “modo de fazer”, ou seja, a ordem das atividades, costuma ser comum a todos os novos empreendimentos.

Passo a passo para abrir um negócio:

Passo 1: Planeje o seu negócio!

O Plano de Negócios é uma espécie de mapa, fundamental para iniciar qualquer empreendimento, seja uma lojinha online a uma empresa de aviões! No mercado já há diversas ferramentas e recursos para criar um plano de negócios. Saiba como elaborar um plano de negócios aqui.

Passo 2: Eduque-se!

Abrir um negócio requer conhecimentos em diversos setores e, como ninguém nasceu sabendo tudo – ainda bem! –, é fundamental que você busque se educar. Não precisa virar um especialista em nada, mas ter uma noção geral é essencial até mesmo para saber a quem recorrer. Ao montar seu plano de negócios você verá as áreas em que precisará de mais informações. Aproveite a imensa oferta de serviços e formações gratuitas, que vão de como preparar um plano de negócios e obter um financiamento a como expandir ou realocar um negócio, e invista em alguns cursos se necessário.

Passo 3: Localize-se!

Para empresas físicas, busque conselhos sobre como selecionar um local amigável para cliente e cumpra com as leis de zoneamento. Para empresas digitais, vale o mesmo: é preciso saber onde estão seus clientes e seguir as regras das redes sociais e da própria internet – sim, ela tem regras, sobretudo de propriedade intelectual e direitos do autor.

Passo 4: Olhe seu caixa!

Caso você não disponha do capital inicial necessário para abrir um negócio, pesquise empréstimos do governo, capital de risco e outros fundos e escolha a opção que melhor se encaixar no seu planejamento e bolso. Ah, e faz um tempinho fizemos um post sobre capital de giro – leia aqui.

Passo 5: Determine sua estrutura legal!

Decida que tipo de propriedade caracteriza o seu negócio: autônomo, parceria, sociedade, organização, ONG, cooperativa…. Fique atento, pois cada modalidade conta com suas próprias características e leis. Ao abrir um negócio é importante que você cumpra todos requisitos legais.

Passo 6: Registre-se!

Cadastre o nome da empresa. O nome “oficial” não precisa ser o mesmo do seu negócio (chamado “nome fantasia”). O McDonalds, por exemplo, é o nome fantasia de uma empresa do Arcos Dourado. Após a definição do nome, é necessário abrir a empresa “no papel”, ou seja, obter CNPJ e outros registros fiscais. Informe-se ainda quanto a licenças e autorizações federais, estaduais e regionais necessárias para abrir um negócio.

Passo 7: Contrate!

Se a sua empresa precisar de funcionários, serão necessárias algumas medidas legais para contratá-los e consultorias especializadas poderão assessorá-lo. A procura por mão-de-obra qualificada também pode ser realizada por meio de consultorias de RH ou com um simples anúncio em mídias de comunicação.

Passo 8: Divulgue!

Qualquer negócio precisa de clientes. Por isso, entenda como o seu público toma conhecimento das empresas semelhantes à sua (uma pequena loja de rua costuma realizar panfletagem, por exemplo, o que não funcionária para uma um negócio digital) e promova-se!

Gostou das dicas? Confira ainda as principais dúvidas do empreendedor ao montar um negócio.

Show Full Content
Anterior Relatórios: por que são importantes para a tomada de decisão
Próximo Centro de Custos: como aplicar na gestão da sua empresa

Comentários

Deixe uma resposta

Fechar

Próximo conteúdo

Fechar

Fluxo de caixa: qual a sua importância e como deve ser feito

31 de março de 2015
Fechar