16 de junho de 2019
Modelos de planilhas e conteúdos sobre gestão empresarial

Para que as empresas possam se desenvolver, existem diversos pontos da gestão que devem ser acompanhados. Normalmente, o próprio empreendedor executa a maioria das tarefas e toma as decisões. Mas com o desenvolvimento do negócio, confiar alguns setores a um gerente pode auxiliar no crescimento.

O gerente é uma peça importante para controlar as informações gerenciais e determinar os melhores caminhos a seguir em determinado setor. Além disso, esse profissional irá auxiliar no desenvolvimento dos colaboradores e na montagem de uma boa equipe de trabalho.

Por isso, preparamos um artigo para que você entenda os tipos de gerentes que podem existir dentro de uma empresa e como eles auxiliam na gestão do negócio. Você irá entender como confiar algumas tarefas estratégicas a um gerente vai permitir que o empreendedor possa se dedicar mais ao negócio.

O que é um gerente?

O gerente é um colaborador qualificado para acompanhar os assuntos de um determinado setor da empresa e tomar decisões estratégicas quando necessário. Existem diferentes tipos de gerentes, com funções diferenciadas, mas normalmente são pessoas que possuem a confiança do dono da empresa e que irão auxiliar na melhoria dos resultados.

Tipo de gerente

Como citamos, existem diferentes tipos de gerentes com diferentes funções. Veja os mais comuns dentro das empresas:

  • Gerente Administrativo: este tipo é responsável por acompanhar as operações da empresa. Suas principais funções incluem dirigir outros colaboradores e coordenar ações administrativas, para isso utilizando métodos gerais e processos internos.
  • Gerente Financeiro: este gerente acompanha tudo que envolve o dinheiro da empresa, desde a captação e aplicação de recursos que buscam o crescimento da empresa, analise de dados, acompanhamento do fluxo de caixa, apresentação de resultados e tomadas de decisões para melhorar o resultado financeiro.
  • Gerente Comercial: responsável por gerenciar a equipe de vendas, este tipo também analisa e define estratégias para venda de produtos e serviços. Ele também acompanha os concorrentes e verifica como a empresa pode aumentar sua participação no mercado, além de avaliar os resultados e métricas das vendas.
  • Gerente de Produção: é o profissional responsável por acompanhar todo o processo de produção, gerenciando a equipe e assegurando o cumprimento das metas dentro dos padrões de qualidade, quantidade, custos e prazos.

Como escolher o gerente ideal

O gerente representa uma posição de grande importância na empresa, pois tem influencia direta no resultado do negócio. Ele será responsável por organizar projetos, definir tarefas e acompanhar o rendimento da equipe, incentivando o trabalho de todos em busca do mesmo objetivo.

Por terem um papel tão importante, muitos empreendedores ficam se perguntando: como escolher o gerente ideal?

O primeiro passo é realizar um mapeamento dos talentos que já existem na empresa. Esse processo permite identificar se algum colaborador dentro do negócio poderá assumir a gerência do setor ou se será necessário contratar alguém.

É necessário analisar a qualificação do profissional que está sendo analisado, pois é importante que ele tenha capacidade de organização, agilidade para tomar decisões e visão para calcular riscos. O gestor deve escolher alguém de sua confiança, pois o gerente precisa de autonomia para gerenciar seus projetos e equipe.

Concluindo

Escolher o gerente é um processo importante, que determinará o andamento de cada setor da empresa. Por isso, coloque nossas dicas em prática e veja seus processos e seus resultados melhorarem.

Confira também o artigo “Conheça o comportamento adequado de um bom chefeclicando aqui.

Se você tiver qualquer dúvida ou sugestão, deixe nos comentários abaixo e iremos lhe auxiliar.

Show Full Content
Anterior Controle de Entregas: planilha Excel para download
Próximo Como as lideranças influenciam no trabalho em equipe

Comentários

Deixe uma resposta

Fechar

Próximo conteúdo

Fechar

Contador: tarefas que só ele pode fazer pela sua empresa

31 de agosto de 2016
Fechar