14 de dezembro de 2019
Modelos de planilhas e conteúdos sobre gestão empresarial

Inegavelmente, não importa a crença ou o tamanho da família, chegando as festas de final de ano, com todas as suas comemorações, cresce a busca por presentes ou as famosas lembrancinhas.

Assim, para atender esse crescimento súbito na demanda, é imprescindível ter um controle de estoque bem estruturado. Não só os grandes negócios, como também os pequenos comércios devem estar atentos para não ter produtos encalhados ou perder vendas por falta de mercadorias.

Estoques em dia são sinônimo de empresa organizada e facilidade na hora de vender.

Nesse sentido, para ajudar você, comerciante varejista, a ter um planejamento claro, evitando erros no controle de estoque, o que irá potencializar os seus resultados financeiros, é que desenvolvemos este conteúdo. Aqui compartilharemos algumas dicas fundamentais para que você e sua equipe curtam esse momento festivo como uma época promissora para o crescimento no seu faturamento.

Dica 1: Diversifique seu nicho de produtos

Certamente, você que acompanha sua loja de perto conhece seus produtos e a rotatividade deles. Se esse controle ainda não é feito, é o momento de alinhar suas compras e as demandas dos clientes. Dessa forma será muito mais fácil traçar um planejamento para as organização de um estoque robusto e otimizado para os meses em que as vendas dão um salto.

Uma dica importante para ter sucesso nessa etapa é não apostar massivamente em um só item. Sabe aquele produto que está super na moda? Pois é, ele não será a escolha de 100% dos seus clientes. Por isso, ter um estoque enxuto, mas diversificado pode ser uma boa aposta para contemplar consumidores de gostos diferentes.

Mas atenção! Fique sempre atento ao seu público-alvo, procure sempre entender o que a sua clientela está buscando e quanto está disposta a investir. Desse modo, você não corre o risco de ficar com o estoque abarrotado de uma mesma mercadoria após as festas.

Dica 2: Organize o processo de trocas

Certamente, você como consumidor já deve ter se deparado com um presente que não lhe serviu ou não foi muito do seu agrado. Justamente nesta época onde há muitas comemorações e é comum a troca de presentes, que muitas pessoas costumam ir até as lojas solicitar troca de itens.

Diante disso, empreendedores precisam ter estoques preparados e uma política bem adequada para tornar esse processo organizado e não gerar nenhum tipo de transtorno ou frustração aos clientes.

Nossa dica aqui é que sempre se estabeleça uma relação harmônica com seu público. Assim, o processo de troca pode ser, inclusive, um momento de levar só mais “uma coisinha”.

Por exemplo, imagine que uma cliente sua chega à loja querendo trocar uma blusa. No momento da troca, ela é bem atendida e bem assessorada. A vendedora que está lhe atendendo mostra não apenas outras blusas como acessórios, brincos, colares, uma calça jeans da nova coleção. E se todo o processo correr bem, a cliente sai de lá com muito mais peças. Parece uma ótima ideia, não é mesmo?

Dica 3: Prepare sua equipe para elevar o Ticket Médio

Primeiramente, cabe perguntar, você realiza treinamentos periódicos com a sua equipe?

Equipes bem treinadas têm um desempenho muito superior em momentos de grande estresse. E o movimento intenso de final de ano exige planejamento, preparação e conhecimento. Um dos treinamentos importantes para esse período é sobre Ticket Médio.

O ticket médio, nada mais é que o valor médio gasto por cada cliente em sua loja. Em um período de muito movimento como a Black Friday ou Natal, existe uma tendência natural de que esse valor aumente. Ainda assim, é preciso que sua equipe trabalhe para o aumento e manutenção de um ticket mais elevado. E você, gestor, precisa manter o estoque bem abastecido (considerando, inclusive, que várias transportadoras e fornecedores entram em férias neste período).

Uma organização antecipada, sobretudo se comparada às vendas nos anos anteriores será fundamental para garantir que ao entrar na sua loja, o seu cliente tenha uma ótima experiência, sempre encontrando o produto que procurava.

Dica 4: Não fique de prateleiras vazias, nunca!

Prateleiras vazias são sinal de sucesso? Sim e não!

Sem dúvida, vender muito é sensacional. Mas ficar de prateleiras vazias é um problema. Esse tipo de situação é entendida como falta de organização por parte da empresa. E claro, causa uma impressão horrível no cliente que chega ao estabelecimento, querendo alguma mercadoria e se depara com faltas e mais faltas.

Para não cair nessa cilada e ter produtos até o último momento, à disposição para atender aos desejos até mesmo daqueles clientes que deixam tudo pra última hora, é necessário garantir que suas aquisições de produtos sejam feitas com qualidade e nas proporções certas.

Logo, para ajudar sua empresa e manter um estoque bem alinhado e para que não lhe faltem produtos nunca, nós compartilhamos uma planilha completa para de Controle de Estoque. Para acessá-la, basta clicar no botão aqui embaixo e baixar, ela é 100% gratuita.

O seu novo Sistema de Estoque e Vendas é GRÁTIS

Se acaso você ainda trabalha com planilhas para todos os lados ou tenta fazer o controle de estoque da sua loja ou mini-mercado com um sistema lento e que vive caindo… Chegou a hora de mudar!

Transforme a gestão da sua pequena empresa com os poderosos recursos do SIGE Lite. Com ele você pode cadastrar produtos, serviços, clientes, fornecedores, gerar ordens de serviço, controlar estoque, gerenciar financeiro e, de quebra, contar com integração com os maiores e-commerces: Mercado Livre e B2W. Quer mais? Com o nosso Sistema ERP você tem PDV frente de caixa e emissão de notas fiscais, até mesmo quando está sem internet.

Quer conhecer o seu novo Sistema de Gestão? Clique no botão abaixo e aproveite!

Show Full Content
Anterior Marketing digital: como escolher a melhor mídia para o meu negócio
Próximo Como abrir uma loja de roupas: 5 passos para o sucesso
Fechar

Próximo conteúdo

Fechar

O que é Gestão de Serviços?

30 de janeiro de 2019
Fechar