26 de junho de 2019
Modelos de planilhas e conteúdos sobre gestão empresarial

Se você está lendo este artigo, certamente já deve ter implementado um Software de Gestão Empresarial. Por tanto, você se preocupa em aplicar bons processos e aumentar a produtividade dentro da sua empresa.

Porém, contar com um Software de Gestão Empresarial também implica em otimizar processos e atualizar constantemente suas ferramentas de gestão. Assim, sua empresa poderá competir fortemente em seu nicho de mercado.

Por isso, nós, da equipe SIGE Lite, preparamos este artigo para ajudá-lo a compreender como escolher o Software de Gestão Empresarial mais adequado às suas metas.

Antes de mais nada, você deve realizar um estudo sobre as necessidades do seu negócio, identificando as metas que deseja atingir e as áreas de oportunidade que deseja melhorar. Se você ainda não tem um Software de Gestão, ainda dá tempo de realizar essa análise. Por outro lado se você já trabalha com um, este é o momento de analisar de que maneira essa ferramenta contempla seus objetivos.

5 pontos para avaliar em um Software de Gestão Empresarial:

1.- É um Software com diferentes módulos?

Isto significa que deve adaptar-se às particularidades específicas da sua empresa. Além disso, deve atender às necessidades futuras. Com isso, o seu Software de Gestão deve acompanhar o crescimento dos seus negócios sem gerar custos excessivos.

2.- É escalável? 

Se acaso a ferramenta que você está analisando tem essa característica, é um ponto positivo! Com isso, você poderá evitar migrar seus dados para outras soluções. Ou pior, cadastrar tudo novamente!

Imagine que sua empresa cresceu muito nos últimos 2 anos. Nesse momento, você percebe que seu software não atende às suas necessidades. Mas ao decidir migrar para outra ferramenta de maior alcance, descobre que seu sistema é incompatível com o novo. Já pensou na dor de cabeça que seria refazer todos os seus cadastros de produtos, clientes, fornecedores e vendas?

Ao optar pelo SIGE Lite, você não precisa se preocupar! Ele é totalmente GRÁTIS, você pode usá-lo online ou offline, além de contar com uma série de recursos, como frente de caixa, cadastros básicos e emissão de notas fiscais. Ou seja, é ideal para quem está começando!

Mas e quando a sua empresa tiver decolado? Você pode adotar o SIGE Cloud, que é o Software de Gestão Empresarial na nuvem mais completo do Brasil, com múltiplas funcionalidades para gerir e impulsionar seus negócios.

E o melhor, você pode sincronizar todos os dados do Lite para o Cloud, em instantes!

Muito fácil não?

3.- Trabalha com um modelo de dados claro? 

Ao manipular seus dados ou informações em um modelo único e de fácil compreensão, por qualquer membro da equipe, você evitará aumentar seus gastos com outras ferramentas e problemas de comunicação.

4.- A implementação é fácil e eficiente? 

Uma vez que o Software atende aos quesitos anteriores, é preciso identificar se é uma ferramenta fácil. A fim de evitar gastos extras com capacitação da equipe e o desgaste de todos que precisarão manejá-lo. Nesse sentido, ao adotar um sistema adequado à sua empresa, sua equipe poderá trabalhar com maior tranquilidade e de maneira mais eficiente.

Desse modo, é importante lembrar: Ninguém gosta de ter a rotina de trabalho complicada com processos super burocráticos!

5.- Precisa chamar a equipe técnica e de suporte, constantemente?

Sem dúvida, se depois de implementar o Software de Gestão Empresarial, você precisa chamar a equipe técnica constantemente, isso impactará a sua produtividade.

Certamente, não há problema em recorrer ao suporte, para tirar eventuais dúvidas. Por outro lado, se você depende de suporte o tempo inteiro para poder operar o sistema… É extremamente necessário repensar essa relação!

Enfim, tenha em mente os seguintes pontos-chave:

  • Alinhe, juntamente com a sua equipe, quais processos precisam ser automatizados ou digitalizados;
  • Planeje os objetivos que seu futuro Software de Gestão deve atingir;
  • Analise atentamente que tipo de tecnologias são as que melhor se adaptam para atender a esses objetivos;
  • Avalie a facilidade de uso. Experimente! 
  •  Considere os custos por: aquisição, propriedade, atualização e manutenções. 

Se quiser um Software de Gestão Empresarial que se adapte às suas necessidades, dê uma olhada no artigo:

Sige Lite: sistema gratuito de gestão para pequenos negócios

Show Full Content
Anterior Importância de um Sistema de gestão para empresas
Próximo O que é Gestão de Serviços?
Fechar

Próximo conteúdo

Fechar

Demonstrativo de Resultados: aprenda como montar o seu

25 de maio de 2015
Fechar