5 de dezembro de 2020
Modelos de planilhas e conteúdos sobre gestão empresarial

Os noticiários anunciam tempos difíceis, com uma crise financeira iminente. Nessas horas, é preciso repensar as estruturas, os rumos dos negócios, analisar com mais frieza os investimentos e fazer as escolhas mais inteligentes. É preciso muita atitude para não deixar a empresa no marasmo e dar mais espaço à concorrência. A adoção de serviços na nuvem, especialmente os de gestão ERP, podem ser uma boa pedida para a redução dos custos na sua empresa.

Uma pesquisa da IBM de 2014 mostrou que o mercado mundial de software como serviço (SaaS) deve movimentar US$ 45 bilhões em 2017. Há dois anos, esse valor era de US$ 18 bilhões. No estudo, foram entrevistadas mais de 800 empresas globais que dizem que a principal razão para a decisão de adotar um ERP SaaS é a redução do custo de propriedade de suas aplicações. Em vez de comprar licença de um software, com o serviço na nuvem, a empresa paga uma mensalidade para acessar um sistema hospedado na nuvem e não nos seus servidores. Para 41% dos entrevistados, o serviço superou as expectativas de economia.

Veja aqui algumas economias que a sua empresa pode fazer ao contratar um ERP na nuvem:

1.Redução de gastos com espaço físico e energia

Com um ERP na nuvem, a empresa não precisa de um espaço dedicado para uma estrutura de data center. Em consequência, além de uma possível redução de gastos com aluguel e manutenção do espaço, também é possível economizar bastante com energia elétrica. No Brasil, com o recente reajuste médio de 32% na conta da eletricidade, esse passa a ser um aspecto bastante importante a favor do SaaS.

2. Baixo capital inicial

Para contratar um serviço na nuvem, não é necessário fazer um investimento inicial muito alto, com novos maquinários, licenças de software e custos de instalação. Outra vantagem é que o serviço pode ser contratado com pagamentos mensais.

3. Melhor aproveitamento dos recursos humanos

Não é necessário contratar técnicos para manutenção! Os provedores de soluções ERP online oferecem suporte e a empresa pode aproveitar a equipe interna de TI em outras atividades importantes para o desempenho do negócio que precisam ser feitas internamente.

4. Produto ERP sob medida

As empresas que oferecem serviço na nuvem têm geralmente várias modalidades de produtos, para atender aos diferentes perfis de empresa. Dessa forma, o empreendedor pode optar pelo produto que melhor atende às suas necessidades sem precisar pagar por funcionalidades que não fazem sentido para o seu negócio. Muitas das empresas de SaaS oferecem um período grátis para que o cliente possa avaliar se a ferramenta é a mais adequada para o seu negócio.

5. Mais produtividade e receitas

Com uma ferramenta na nuvem, os colaboradores têm acesso à informação de qualquer lugar e de qualquer dispositivo. Isso facilita as transações e a coordenação de tarefas, o que reflete no aumento da produtividade e das receitas da empresa.

A sua empresa já conseguiu diminuir custos com um sistema em nuvem? Compartilhe seus resultados e experiência conosco através dos comentários!

Show Full Content
Anterior Por que separar as contas pessoais das contas empresariais?
Próximo Dicas matadoras para fidelizar seus clientes e aumentar as vendas

Comentários

Deixe uma resposta

Fechar

Próximo conteúdo

Fechar

Novidades da Versão 2.0 do SIGE Lite

9 de maio de 2019
Fechar